quarta-feira, abril 21, 2021

Legislativo e Executivo unem-se e “Batem o Martelo” por melhorias na saúde de Espigão

O prefeito Weliton e os vereadores se reuniram na câmara e foi construída essa união por Espigão.

Nesta terça-feira 09, o prefeito Weliton Campos (Podemos) cumpriu agenda de trabalho na câmara de vereadores. Na pauta reunião com os vereadores para buscar mecanismo e socorrer o setor da saúde do município.

Várias alternativas foram alvos de tratativas por parte do prefeito Weliton e também dos vereadores que através do diálogo se empenharam em buscar soluções para os vários gargalos que o setor da saúde apresenta no enfrentamento a pandemia.

Através do diálogo e do consenso se chegou a uma alternativa que agradou aos dois lados, legislativo e executivo bateram o martelo na redistribuição das “Emendas Impositivas” que perfazem pouco mais de R$ 1 milhão para socorrer a saúde.

A iniciativa do Legislativo em abrir mão das Emendas Impositivas e realocar os valores para atender a saúde foi comemorada pelo prefeito Weliton que afirmou esse valor ser o montante que é solicitado pela pasta.

Ao final da reunião na câmara o prefeito Weliton agradeceu a sensibilidade do presidente Adriano da Ambulância e dos demais vereadores que abriram mão das suas emendas para realocarem os valores para a saúde do município.

“Termino esta reunião muito feliz com esses avanços que conseguimos aqui hoje, agradeço a cada um dos senhores por esse entendimento, pois juntos iremos construir as soluções que a nossa população tanto espera”, pontuou.

Participaram da reunião no gabinete o presidente Adriano da Ambulância, o prefeito Weliton, vereadores: Adão Salvático, Nascimento, Zonga Joadir, Sirineu Wutk , Luiz Antônio, Gilmar Loose, Cocó Novaes, secretário Fernando Henrique e os assessores dos vereadores ausentes.

Autor: Luizinho Carvalho/Assessoria Legislativa

Verifique também

Vídeo de pescador fisgando pirarucu de 2 metros em Rondônia repercute em todo Brasil

Se não tivesse filmado, a história de Fábio Fregona não passaria de mais uma história …